A capital da Grécia tem ruas charmosas, atrações colossais, comida boa, metrô e preços bons para a Europa. As principais atrações da cidade estão relacionadas com seu passado incrível e inspirador. É bom fazer aquela revisão básica de história sobre a Grécia antes de chegar, para não ficar muito perdido e aproveitar melhor as atrações. O principal, obviamente, é a Acrópole, mas, para apreciá-la da melhor forma possível, eu tenho algumas sugestões. Se você conseguir se conter, é interessante começar seu passeio pelo museu da Acrópole. Ele é uma edificação lindíssima e vai te ajudar a entender melhor a visita aos templos. Depois, sugiro que faça uma visita as outras atrações antigas da cidade, deixando a Acrópole para o grand finale. Existe um ticket que custa 30 euros que dá direito a Acrópole, Ágora antiga, Ágora Romana, Biblioteca de Adriano, Olympieion, Kerameikos e o Liceu de Aristóteles. Você poderá utiliza-lo durante 5 dias e a maior parte dessas atrações são bastante próximas.

Agora a Acrópole. Essa maravilha foi construída para a deusa Atena por volta de 450 a.C. e está localizada sobre um rochedo, sendo que de várias partes da cidade é possível vê-la. Lá você vai encontrar as ruínas de templos belíssimos. Vá com calma, porque tem bastante coisa para ver. Você pode começar sua visita pelas laterais e deixar a expectativa aumentar para ver os templos principias, que ficam no topo.  Eu me arrepiei quando vi a Acrópole de perto, fiquei tão abismado que acabei visitando-a antes de tudo isso que mencionei nesse post. Eu estou dando a dica de deixa-la por último porque depois de visitar a Acrópole o resto ficou pálido e pouco atrativo.

Outro passeio que gostei muito de fazer foi ir ao Estádio Pantenáico (5 euros). Você pode pegar o metrô e descer na estação Sintagma. De lá, aproveite para caminhar por dentro do Jardim Nacional (de graça) até sua extremidade leste, em direção à rua Rua Irodou. Lá, você vai ver o belo Palácio Presidencial, onde uns guardas da presidência ficam trocando de posição numa espécie de marcha coreografada muito curiosa. Cuidado para não rir e se ferrar – as roupas e a coreografia podem ser engraçadas. Continue sua caminhada até o final dessa rua e veja o estádio. Ele é impressionante, se parece com os teatros gregos em seu formato e tipo de assentos. A visita ao estádio é por guia de áudio e te transporta para os jogos dos tempos antigos em homenagem à deusa Atena até os dias de hoje com as olimpíadas e seu significado de unir as nações. De lá, você terá uma visão privilegiada da Acrópole!

 

DICAS

  • Como qualquer outra atração principal de um grande centro urbano, vá cedo para a Acrópole! Não deixe filas homéricas para entrar de desanimarem ou cansar antes da diversão começar.
  • O Monte Lycabettus é o lugar ideal para passar o final da tarde, apreciar a cidade do alto e ver um pôr do sol lindo. Suba a pé, de bondinho ou Uber. Eu tentei uma carona, mas sem sucesso e acabei indo a pé mesmo. Não foi muito difícil.
  • Caminhe pelos bairros de Plaka e Anafiotika. Se possível, hospede-se perto deles. Eles são ótimos para passear, charmosos e perto da maior parte das atrações que você irá visitar.
  • O restaurante Atitamos é muito bom. Tem um ambiente e comida informais e típicos. O preço é bom e o atendimento também!