Introdução

Em minhas viagens, gosto de procurar por cidades menores e tradicionais para mesclar com grandes centros urbanos. No Canadá, a cidade Mont-Tremblant parecia ser ideal para fugir da intensidade de Toronto, Montreal e Quebec. Ela está perto de Montreal (130 km), tem muito verde, ar puro e aquela vibe gostosa de interior. Eu estive por lá no verão, época em que as montanhas que são famosas pelas pistas de esqui se transformam em locais para caminhadas e outras atividades de lazer. Quando eu cheguei na cidade, fiquei muito impressionado com o tanto que ela é linda e apaixonante. Imagine uma pequena vila na base de uma montanha com edificações de estilo europeu que parece ter saído do interior da Suíça. Por todo lado, muito verde, montanhas, lagos e muita luz – um lugar que imperdível para os amantes de interior e natureza.

Foto 19-07-2018 14 44 06Foto 20-07-2018 10 37 58IMG_4512

Como Chegar

A maneira mais lógica de vir até aqui é sair de Montreal. Vindo de ônibus, compre a passagem com a empresa Galland, que vai te deixar em um posto de gasolina próximo da vila. É lá que passa o ônibus local que sobe a montanha e te leva a parte onde se concentram as atrações da cidade. Com o tempo que você gasta para chegar até o posto de gasolina, esperar o próximo ônibus e subir a montanha, não é viável fazer um bate e volta de ônibus. Planeje pelo menos uma noite, a não ser que venha de carro. De qualquer maneira, emborra possível, ainda considero muito corrido.

O que fazer

Além dos esportes de neve no meses frios, fora da temporada de inverno a cidade também é muito atraente. As montanhas têm muitas trilhas, mas se preferir pode subir e descer usando o teleférico (CAD 21). Você também pode se divertir pilotando um carrinho que é uma espécie rolimã gourmetizado montanha abaixo (CAD 23 por 3 descidas). Felizmente, embora os carrinhos sejam construídos com mais cuidado que aqueles da sua infância, você ainda corre algum risco de se machucar e ser humilhado pelas crianças muito mais habilidosas que você. Para a minha sorte, eu fui atropelado por uma criança fora de controle que não entendeu o princípio de um mecanismo muito moderno chamado freio. Embora psicologicamente abalado e humilhado pelo pestinha, eu não me feri. Também havia outras opções para diversão dos pestinhas, como parquinhos, tirolesa e fontes de água que saem do chão para que as crianças ou adultos infantilizados (como euzinho) possam se molhar.

IMG-20180720-WA0022-02Foto 20-07-2018 11 36 54

DICAS

  • No alto da montanha tem um restaurante simples onde você pode comprar lanches e usar o banheiro. Também há algumas mesas onde você pode fazer um piquenique ou simplesmente admirar a paisagem.
  • O restaurante La Diable tem excelentes sanduíches e outras comidas muito gostosas!
  • O SnacBar tem refeições menos elaboradas, porém com preços mais acessíveis e muito gostosas.